Rastreabilidade

 

O controle da origem e do itinerário logístico de produtos e documentos exige a implementação de sitemas de identificação seguros e precisos.

Rastreabilidade de Produtos e Documentos: Segurança na Era Digital

A rastreabilidade de produtos e documentos é um processo fundamental na era digital, garantindo a segurança e confiabilidade de informações ao longo da cadeia de fornecimento e em diversos outros setores. Através de tecnologias inovadoras, como serialização, agregação, registro de dados e consulta em tempo real, consumidores, empresas e órgãos regulatórios podem ter acesso a informações precisas e transparentes sobre a origem, o histórico e a movimentação de produtos e documentos.

 

Serialização: A atribuição de um código único e identificável a cada item, seja sequencial ou aleatório, numérico ou alfanumérico, permite o rastreamento individualizado desde a produção até o consumo final. Essa individualização facilita o controle de qualidade, a identificação de produtos falsificados e a retirada de produtos do mercado em caso de problemas.

 

Agregação: A agrupção de itens em unidades maiores facilita a gestão e o rastreamento de grandes volumes de produtos. Essa técnica é útil para rastrear lotes de produtos, identificar produtos com características semelhantes e realizar recalls de forma direcionada.

 

Registro de dados: A armazenagem de informações relevantes sobre o ciclo de vida do produto, como data de produção, origem dos materiais, lote, destino e histórico de movimentação, garante a rastreabilidade completa. O controle de transferência de custódia ou propriedade registra a mudança de posse do produto ao longo da cadeia de fornecimento, aumentando a segurança e a transparência.

 

Consulta de dados: A qualquer hora, em qualquer lugar e em tempo real, qualquer pessoa com um dispositivo conectado à internet pode acessar as informações do produto ou documento através de um código QR Code ou Datamatrix. Essa acessibilidade facilita a verificação da autenticidade do produto, a consulta de informações sobre sua origem e histórico, e a detecção de falsificações.

 

Uso de Etiquetas QRCode para a rastreabilidade de produtos.

Códigos QR Code e Datamatrix: Esses códigos bidimensionais armazenam grande quantidade de informações em um espaço reduzido, facilitando a leitura e o acesso aos dados do produto. O QR Code é mais conhecido e de fácil leitura por smartphones, enquanto o Datamatrix é mais compacto e ideal para produtos com pouco espaço.

 

Tecnologia RFID: A radiofrequência permite a identificação de produtos à distância, sem a necessidade de contato visual. Essa tecnologia é útil para automatizar processos de logística e controle de estoque, mas apresenta limitações de alcance, custo e vulnerabilidade a interferências.

 

Criptografia e Blockchain: A tecnologia TraxSecur utiliza criptografia para garantir a autenticidade e inviolabilidade dos dados armazenados nos códigos bidimensionais, criando um "blockchain gráfico" que registra todas as transações e garante a rastreabilidade completa do produto.

 

Inteligência Artificial: A IA atua como um auditor autônomo, monitorando o sistema de rastreabilidade em tempo real para detectar inconsistências, comportamentos suspeitos e potenciais fraudes. A IA pode analisar grandes volumes de dados, identificar padrões e emitir alertas em caso de anomalias, aumentando a segurança e a confiabilidade da rastreabilidade.

Rastreabilidade de Medicamentos

Da Linha de Produção ao Consumidor Final, a Rastreabilidade de Produtos, em Tempo Real. Simples, Prático e Econômico. (conforme o SNCM implementado pela resolução 319/2019 da ANVISA).

Rastreabilidade AGRO

Possibilitar consumidores, compradores, usuários leigos e aos próprios fabricantes, através de aplicativos “Scanner” leitores de “QR Code” adquiridos e/ou contidos em aparelhos celulares, sejam capazes desde antes da 1ª abertura da embalagem identificar informações de segurança do produto inseridas pelo fabricante através da tampa para bombona.

SAC de Inteligência Artificial